Rio Paraíba começa a baixar após atingir 9,90 metros

0

O nível do rio Paraíba do Sul em Campos dos Goytacazes, RJ, começou a baixar e, na tarde deste domingo (16), estava em 9,83 metros, após alcançar 9,90 metros durante a noite de sábado.

Segundo a Defesa Civil municipal, a tendência é que o nível continue a reduzir ao longo do dia.

No Noroeste Fluminense, os rios Muriaé e Pomba também apresentaram redução. De acordo com as defesas civis dos municípios de Santo Antônio de Pádua e Itaperuna, não há desabrigados e desalojados. Nesse sábado, mais de 8,5 mil pessoas tiveram que deixar suas casas em municípios da região.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil de Campos, major Edison Peçanha, equipes continuam monitorando as regiões do município atingidas pelas cheias, como a localidade de Três Vendas e os bairros da Coroa e Ilha do Cunha, e auxiliando as famílias.

Em São João da Barra, um dique se rompeuna noite desse sábado (15) com a força das águas do rio Paraíba do Sul. Um idoso, de 65 anos, que andava a cavalo nas proximidades da sua casa, precisou se proteger em uma árvore, ao perceber que a água subia rapidamente. Ele foi socorrido por uma equipe da Defesa Civil municipal que monitorava a situação no local. De acordo com a Defesa Civil, no momento, as equipes realizam a contenção no local.Em Itaperuna, o rio também voltou ao nível normal, o que facilita o trabalho da Defesa Civil.

— No momento, estamos realizando a faxina, devido a quantidade de lama e sujeira trazidos pelas águas — disse o coordenador da Defesa Civil de Itaperuna, Fernando Fernandes.


No sábado – Na região, as ininterruptas chuvas que atingiram municípios do Norte e Noroeste Fluminense, além dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo, durante essa semana, voltaram a causar inundações e deslizamentos de terra, e mais de 8,5 mil pessoas precisaram sair de casa, segundo a Coordenadoria Regional da Defesa Civil.

Os municípios mais afetados, até a tarde desse sábado, são Itaperuna, com cerca de 3,9 mil, e Santo Antônio de Pádua, com 3,5 mil de desalojados ou desabrigados. Em Campos, duas famílias estão desalojadas. Já em São Francisco de Itabapoana, a água do rio Paraíba do Sul ultrapassou a RJ 194 e atingiu três residências. Fonte: Folha1

Campartilhe.

Comentários desativados.